ícone face twitter instagram

Esta semana a Frei Caneca FM põe na rua o bloco Pen Drive da Madrugada e traz entrevista com Sérgio Mamberti

28.01.19 - 16H35
Janaína de Castro (entrevistada), Clara Nunes (homenageada) e Sérgio Mamberti (entrevistado), respectivamente. 
Janaína de Castro (entrevistada), Clara Nunes (homenageada) e Sérgio Mamberti (entrevistado), respectivamente. 

A semana na Rádio Pública do Recife chega com estreia. No período prévio ao carnaval, todo sábado e domingo, a partir das 00h até o amanhecer, a Frei Caneca FM põe na rua o bloco musical o Pen Drive da Madrugada trazendo uma sequência contínua de músicas de carnaval como afoxé, frevo, maracatu, coco, ciranda, samba enredo, axé dos anos 80, samba reggae, entre outros.

Revista Difusora desta semana traz, entre os entrevistados da semana, na quinta-feira (31), um bate papo com o ator Sérgio Mamberti, um dos atores que encabeça o elenco da peça Um Panorama Visto da Ponte, de Arthur Miller, que desembarca no Teatro RioMar Recife dias 2 e 3 de fevereiro. Referência em atuação, Mamberti é lembrado pelo público por seus papéis, como o culto copeiro Eugênio de Vale Tudo, o doce e sábio Dr. Victor do programa infantil Castelo Rá-Tim-Bum e, o vilão Dionísio Albuquerque de Flor do Caribe. Além disso, atuou brilhantemente em filmes, séries, minisséries e outros especiais.

Para conversar sobre o Dia da Visibilidade Trans, na terça-feira (29), o Salada Pop recebe Janaína Castro da Articulação e Movimento para Travestis e Transexuais de Pernambuco (Amotrans-PE). 

Além disso, na quarta-feira (30), Nice Lima fala sobre as dificuldades e a importância da doação de leite materno com a chefe do banco de Leite Humano, Dra. Sônia Bechara do Hospital Agamenon Magalhães. Já na sexta-feira (01/02), a pauta é o movimento #10YearsChallenge e a segurança em rede. 

Na Revista Difusora, na terça-feira (29), Patrick Torquato recebe o cantor João Fênix, que fala da estreia nacional do show “Minha Boca Não Tem Nome”. Além disso, conversa também sobre o show Paire de Deux Ato III com Freddy Simões e Nira Santos.

Na quarta-feira (30), receberemos o flautista, arranjador e produtor César Michiles, que fala sobre o lançamento do primeiro CD da Transversal Frevo Orquestra. No mesmo dia, a artista e produtora Lucia Padilha e o VJ Gabriel Furtado falam das ações do projeto “Urbe-se” que vai ocupar espaços urbanos da cidade, promovendo trocas artísticas, estimulando a cena de artes visuais com uso das novas tecnologias e ainda a ressignificação desses espaços. Já na quinta-feira (31), a entrevista é com a atriz Stella Maris do espetáculo O Delator e também com TauÃ, que fala do lançamento do Álbum  .

Na nossa faixa das 20h, de segunda a sexta-feira, temos os programas da sociedade civil. Dando início, na segunda-feira (28), o Toca o Terror que conversa sobre a expectativa de lançamentos no cinema de terror para 2019. Na terça-feira (29), a próxima edição da Revista Brasil de Fato vai falar sobre “América Latina e Comunicação”. O convidado é Jonatas Campos, jornalista que foi correspondente na Venezuela. Falamos sobre a experiência de fazer jornalismo sobre a Venezuela e analisamos como a mídia está cobrindo a situação no país. Já na quarta-feira (30), vai ao ar o Bate Antena

No programa Recife Lo-Fi desta quinta-feira (31), Zeca Viana apresenta vários nomes da música recifense como Alessandra Leão, Jalu Maranhão, Geraldo Maia, Cassio Sette, Publius, Caramurú e Julião, além de bandas de outras cidades como Prisma Orbe (Goiana - PE), Maéve Oliveira (Belo Jardim - PE) e Bruno Berle (Maceió - AL). No quadro Radiografia Lo-Fi um especial com a banda de rock Diablo Angel liderada pela voz feminina de Kira Aderne. Para dar boas vindas ao final de semana, na sexta-feira (01/02), vai ao ar o Músicas de Sexta com Guilherme Gatis e Sarah Falcão.

Na manhã do sábado (02/02), às 7h30, Luiz Gustavo apresenta a relação entre violeiro e o sagrado no Viola Caipira. Logo após se inicia nossa faixa infantil, às 8h, com o Rádio Matraquinha. Na sequência, às 8h45, vai ao ar o Palavras no Ar. Às 9h15, o você acompanha o Cantando e Brincando.

Às 11h, tem Mulher na Caneca trazendo entrevistas, debates, músicas e análise das principais notícias sob uma perspectiva feminista. Já na faixa das 18h, o Lab 101 traz os trabalhos de estudantes dos cursos de comunicação. 

No domingo (03/02), às 9h, você fica com o programa Samba de Latada. Às 10h, no Batucada, Iara Lima apresenta um repertório variado que inclui Maria Rita, Ferrugem, Roberta Sá, Zeca Pagodinho e muito mais. No bloco do Autoral Pernambucano ouvimos o Grupo Terra que completa 25 anos de estrada no samba recifense. A homenagem do dia é para a inesquecível Clara Nunes. Logo depois, às 12h, tem o programa Frevo do Mundo.